Me siga pelo E-mail, meu !!!

sábado, 21 de fevereiro de 2009

A difícil arte de ser brasileiro

Somos artistas idiotas, todos.

Somente o fato de ser brasileiro já demonstra que somos artistas idiotas, pois em poucos países do mundo um povo é tão notadamente estúpido e palhaço, talvez na Venezuela, o povo seja um pouquinho mais estúpido, mas concorrer conosco é difícil, pois somos campeões em muitas modalidades, por exemplo:
1)Na desfaçatez de nossos políticos;
2)Na inoperância dos honestos (poucos, hein!);
3)Na credulidade (acreditamos em qualquer bobagem dita pelos governantes);
4)Na graciosa mania que temos em ajudar para se mostrar (anonimato é idiotice, pois ninguém fica sabendo o quanto somos "bonzinhos".E ajudamos principalmente quando a mídia manda, pois os infelizes que passam a fome ao lado de nossas casas não precisam tanto;
5)No carnaval, que, pasmem, consomem quatro dias úteis de produção de nossas empresas (depois reclamamos que não temos dinheiro, que existe uma crise "brava", e etc.)
6)No futebol, pois os "fanáticos" torcedores sustentam jogadores que ganham centenas de milhares de reais por mês, num país com salário mínimo de R$ 465,00.
7)Na corrupção ! Só perdemos para países da África (nossa, que belo consolo, existem países mais corruptos que nós, ainda bem !)
8)Na memória!Certamente somos o povo que nunca esquece as bandidagens ! Inclusive uma das estratégias utilizadas pelos nossos políticos é fazer as maiores atrocidades com o dinheiro público, desaparecer um tempinho e depois serem eleitos pelo povo (vide Antonio Palocci, Renan Calheiros, Severino Cavalcanti, Fernando Collor de Mello, e etc, etc, etc)
9)Na ignorância completa, pois nosso presidente, um sindicalista (ainda é) que esteve envolvido nas maiores falcatruas com as montadoras em seu tempo de grevista ; esteve envolvido com a compra de deputados(mensalão) ; esteve envolvido junto com seu filho em outras falcatruas ; o pior exemplo possível para os jovens, pois é um ignorante, ignorando a linguagem culta de seu país, nem sequer se preocupa em estudar reciclando-se, grosseiro, é aclamado pelo povo com alta popularidade (prova a bela tese que cada povo tem os governantes que merece).
10)E quando algum escândalo é descoberto, a população não se importa, pois já que somos palhaços pagando os absurdos destes mandatários que mal há, se um deles se supera e encancara ainda mais a fétida vida pública de Brasília ?

ah, se nós tivessemos um naco da responsabilidade britânica, outro naco da observação dos franceses, mais um do patriotismo dos norte-americanos, e um naco de força de vontade dos japoneses, seríamos outro povo, uma nação que certamente seria uma potência com divisão mais justa de bens, e educada com todos seus méritos ... Mas somos um país gigante e pobre, lindo e maravilhoso, mas terrivelmente carente de homens de bem, de gente que cobre mais de sua classe política, que não se emudeça perante os descalabros, que descubra de uma vez por todas, que somos nós que devemos mudar nossa maneira de ser, para que em conjunto possamos dar ao Brasil, aquilo que ele merece: Um povo melhor.

domingo, 15 de fevereiro de 2009

Stephen Bishop It Might Be You ( Música Linda !! Do filme Tootsie )

Mãos dadas - Carlos Drummond de Andrade

Não serei o poeta de um mundo caduco.
Também não cantarei o mundo futuro.
Estou preso à vida e olho meus companheiros.
Estão taciturnos mas nutrem grandes esperanças.
Entre eles, considero a enorme realidade.
O presente é tão grande, não nos afastemos.
Não nos afastemos muito, vamos de mãos dadas.

Não serei o cantor de uma mulher, de uma história,
não direi os suspiros ao anoitecer, a paisagem vista da
janela,
não distribuirei entorpecentes ou carta de suicida,
não fugirei para as ilhas nem serei raptado por serafins.
O tempo é a minha matéria, o tempo presente, os
homens presentes,
a vida presente.

Hail Holly Queen (do filme mudança de hábito, muito bom!!!

Lounge (som melodioso, calmo, porém com balanço)

Idéias !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!



Camafeus !!!

Adoro Camafeu

Receita
CAMAFEU DE NOZES
INGREDIENTES:
250g de nozes trituradas
2 latas de leite condensado
1 colher de sopa de chocolate em pó
1 colher de sopa de manteiga
3 ovos
3 gemas
Nozes em 4 partes para decorar

Seven pounds

Sete vidas
Bom filme, nota 7.Why ?

Filme interessante, pois aborda o desequilíbrio mental de um homem amargurado e depressivo.A interpretação de Will Smith é muito intensa, muito bem trabalhada, na verdade ele carrega o filme nas costas(não há como deixar de parabenizar os outros atores, também).O enredo é capenga e apresenta falhas, muitas vezes disvirtuando a estória, carregando muito nas cenas lacrimosas ... Tem lá seu apego(quantas pessoas irão citar que choraram durante o filme ?), e o cinema tem isso também, emocionar.Porém algumas cenas foram muito bem dirigidas, onde um olhar revela muito, onde se alguém dissesse alguma coisa estragaria tudo.Quando o personagem procura a mulher latina para ajuda-la, a intensidade dos olhares, o pseudo sorriso de Will ... Algumas pessoas dirão que por diversas vezes o filme se arrasta, o que é verdade ... Mas algumas cenas tem a capacidade de valer pelo filme todo!Exemplo é quando o personagem fala com a senhora internada na clínica ... Um jorro de emoções!
A atriz Rosário Dawson se esforça bastante, e sua capacidade de encarnar uma mulher condenada a morte por um coração doente, é muito convincente.Sofri com ela, podem acreditar.
...

sábado, 14 de fevereiro de 2009

O mundo escondido em nós

Minha vida toda tenho visto as coisas, e elas me visto.
O que interfiro no andamento do mundo?
Faço alguma diferença? E se faço, que catso importa?
O mundo se tornou diferente com minha chegada?
Pequeno, miúdo mesmo e indefeso, dependendo de meus pais para minha proteção e desenvolvimento.Era um filhote, de pés minúsculos e inocente.
Cresci.
Com certeza mudei o mundo, respeitando as devidas proporções, sou um apanhado de átomos, moléculas, células e etc, que já pertenceram a outros seres vivos e que após minha morte farão parte de baleias, homens, gatos - que pensamento doido!
Mudei o mundo, pois atravessei o caminho de um monte de gente, pessoas que estiveram só um pouquinho comigo e outras que ficaram muito, outras tantas troquei sensações (amizades, cumplicidades, sorrisos, beijos, lágrimas, conversa fiada, amor, traição, medo, ódio), certamente elas mudaram minha percepção da vida e das coisas, e pode ser que tenha influenciado suas vidas também.
Mudei o mundo de várias pessoas, para o bem ou para o mal.Mas mudei.

Este blog é um velho amigo que ouvirá minhas lamúrias, meus desesperos, minhas alegrias e permanecerá incógnito, sombrio sem palavras, silencioso sem sorrisos, me apoiará quando fraquejar, me exultará quando precisar, me amparará quando a depressão cortas meus pulsos.

O mundo é vasto de sensações e desesperanças, agonias e prazeres, de mim e de você.Somos vastos como as estrelas e o universo.

Carregamos uma intranquilidade no peito, uma vontade desgraçada de gritar e outras de aconchegar-se em colos amantes.

Observe os detalhes neles mora o demônio, mas também a explicação para o inexplicável.